Pesquisar neste blog

Carregando...

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

ARTE COM OS ESQUELETOS DAS FOLHAS!

        
O origem da técnica de esqueletização:

Um processo que ocorre espontaneamente na natureza. Ao consumir a clorofila de uma folha, larvas e insetos revelam suas complexas e fascinantes venações, que são suas estruturas vasculares. No esforço de imitar a natureza para trazer à luz toda a beleza escondida sob o manto verde da clorofila das folhas, artesãos desenvolveram há centenas de anos o processo de esqueletização. Consta que já era praticado na China na era da dinastia Ming (século 14) e há relatos da época vitoriana (século 19) mencionando os phantom bouquets confeccionados com folhas esqueletizadas para impressionar a nobreza da Inglaterra.
O processo:

A colheita das folhas é feita no dia anterior à produção. São usadas principalmente folhas decíduas, que caem das árvores num processo natural de renovação. As folhas são cozidas em alta temperatura e em seguida lavadas uma a uma, com grande cuidado, para que a clorofila seja removida, revelando suas nervuras. Em seguida são colocadas para secar ao natural, algumas individualmente e outras em maços. Podem ser deixadas na cor natural, que apresenta tons terrosos e neutros, e podem também ser clareadas e tingidas nas mais diversas cores.
 
O produto:
Dedicada à esqueletização de folhas naturais e à confecção de fino artesanato com essa matéria-prima, a SkeletonLeaves nasceu de uma admiração pela beleza das folhas e da vontade de eternizá-la em produtos que mostrem todo o seu encanto. Trabalhando com as mais variadas espécies e apurando o ponto ideal de cocção de cada uma, a SkeletonLeaves desenvolveu um catálogo de folhas com alto índice de esqueletização, que têm aparência muita delicada, algumas assemelhando-se a rendas de finíssima trama, outras a organzas de seda, outras ainda lembrando o oriental papel-arroz.

Celulose pura, as “folhas-esqueleto” são superduráveis, flexíveis e moldáveis, emprestando sua beleza a um sem-número de aplicações. Elas podem ser usadas individualmente, para decoração e revestimento, em embalagens, luminárias, móveis, paredes; para a arte floral, na confecção de flores dos mais variados formatos; para aplicação em artigos de papelaria, em scrapbooking etc. Em tons naturais, neutros, assim como clareadas ou tingidas nas mais diversas cores, as folhas da SkeletonLeaves oferecem uma extensa cartela de opções decorativas.
 

O processo é simples: Use folhas grandes, com nervuras bem pronunciadas e que já estejam separadas do caule há algum tempo (por favor!). Ferva as folhas em uma mistura de 80 gr. de bicarbonato de sódio e 3/4 de litro de água, até que a “carne” comece a soltar. Retire da água e coloque-a sobre um pano de copa limpo. Esfregue “gentilmente”, como um objeto não cortante, para retirar o restante da polpa (puxe quando soltar). Depois coloque o esqueleto sobre uma folha de papel e borrife levemente um pouco de água oxigenada, para clarear o “esqueleto”. Deixe secar e está pronto :)

Fonte: PROJETO E FOTOS SKELETONLEAVES e amatéria no ESPIRIT CABANE

Mais informação dicas. de decoração, através da reciclagem de diversos , matérias acesse a página: 

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Utilidades do amaciante de roupas

Confira dicas de uso inusitadas para o tradicional amaciante de roupas.

O amaciante é um dos maiores aliados das roupas limpas. Além de deixar com um cheiro agradável, o melhor é que ele não serve apenas para lavar os tecidos, mas também pode ser utilizado em outras tarefas na hora de arrumar a casa.

Confira:


Tirar o aspecto ressecado do tapete

Após lavar o tapete normalmente, dilua uma xícara de amaciante em dois litros e meio de água. Com essa mistura, borrife o líquido no tapete e deixe secar. Além de cheiroso, ele ficará macio, sem o aspecto ressecado.Limpar o chãoApós lavar a roupa com o amaciante, utilize a água da lavagem para tirar a sujeira do chão ou da parede. Além de economizar, fica fácil limpar o azulejo de ambientes como o banheiro ou a cozinha, por exemplo.


Retirar manchas do móvel

O amaciante é muito útil para tirar a mancha de óleo de peroba. Para tirar o pó, basta diluir uma pequena quantidade do produto em água e esfregar na sujeira com a ajuda de um pano.

Limpar a panela com mais facilidade

Coloque um pouco de água na panela e adicione um pouquinho de amaciante. Após deixar de molho por uma hora, verifique se os resíduos estão mais maleáveis. Quando a panela ficar no ponto, basta lavar normalmente.Para perfumar o ambiente. Coloque uma pequena quantidade do amaciante líquido em um litro de água. Misture bem e coloque a solução dentro de um borrifador para aplicar no sofá, nas almofadas, no quarto…

Para alargar o sapato

Se estiver apertando o pé, coloque uma pequena quantidade do amaciante em cima do local que está incomodando. Deixe por um tempinho antes de calçar o sapato e tire o excesso com um papel.

Fonte: Bolsa de Mulher


Mais informação dicas. de decoração, através da reciclagem de diversos , matérias acesse a página:  Decoração e Reciclagem _ Facebook

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Reutilizando água

 Água
Aprenda como "reciclar" água da chuva e da 
máquina de lavar.
Economia na conta de água e aproveitamento da água repentina e torrencial consciência dos nossos recursos naturais!
Água é o recurso natural mais precioso 
que existe no planeta Terra. 
Fonte de toda a vida, ela deve ser tratada com a atenção que merece, sendo nossa responsabilidade a manutenção sustentável desse bem. Água
Aqui vão duas dicas para usar a água de maneira consciente:
Reutilizando água da máquina de lavar:
Anderson Zemis, morador do município de Sumaré, no estado de São Paulo, simplesmente prendeu (com massa de vedação) uma torneira em um tambor plástico de 200 litros. O tambor custou aproximadamente R$ 45,00. Já a torneira, varia de acordo com o modelo usado. É importante lembrar que a água das máquina de lavar devem ser usadas para atividades não potáveis, tais como limpeza de calçadas, carros, quintais etc.
 Reciclando
Reutilizando água da chuva:
Com um sistema de captação da água da chuva, tarefas : a rega do jardim, a limpeza do quintal e a lavagem do carro, por exemplo, não precisam ser feitas com água potável.
Mas como construir um sistema de captação?
O primeiro passo é a instalação de calhas no telhado que captem a água da chuva e a transportem até um reservatório. Podem ser barris de plástico com capacidade para 200 litros cada e com uma torneira na parte inferior, como no exemplo acima. É interessante também colocar um filtro para que detritos como folhas e gravetos não entupam o reservatório ou obstruam algum outro ponto do sistema. Pronto, agora já é possível aproveitar a água da chuva! Para facilitar o uso da água, é bom deixar a torneira da cisterna a no mínimo 90 centímetros de altura, pois assim a água ganha mais pressão ao sair.

Mais informação dicas. de decoração, através da reciclagem de diversos ,aterias acesse a nossa pág Decoração, Decoração e Reciclagem _ Facebook

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

AROMATIZADOR DE AMBIENTES - faça você mesma!


Dicas para Fazer Aromatizador de Ambiente de Varetas
Para fazer 250 ml de aromatizador de ambiente você irá 
precisar de:
  • frasco de 250ml (com o formato que você quiser);
  • 50 ml de essência para aromatizador;
  • 100 ml de álcool de cereais 96º (pode ser substituído por base pronta para perfume);
  • 100 ml de água deionizada (ou água filtrada);
  • 4 a 6 varetas com 24 cm de comprimento; corante hidrossolúvel;
  • algumas gotas de fixador de Fragrância;
  • bastão;
  • e recipiente para misturar os materiais

modo de fazer:
Comece despejando no recipiente a água deionizada. Em seguida, adicione o álcool. E despeje por último a essência para aromatizador e o corante. Misture tudo com o bastão.
Coloque o líquido aromatizador no frasco. Deixe o fluído aromatizador no frasco fechado por uma semana (7 dias) para intensificar o aroma, pois neste período o perfume vai se fixar no álcool de cereais e se tornará mais intenso. Depois basta colocar dentro do frasco as varetas para aromatizar o ambiente. E se você quiser o aromatizador em menos tempo, pode embrulhar o frasco (bem fechado) com jornal e deixar por três dias em um local escuro.



Se você quiser conhece um poco mais sobre Reciclagem e sustentabilidade ascese e nossa página no Facebook)

segunda-feira, 20 de outubro de 2014

BICARBONATO E SUAS PROPRIEDADES



Dicas para o uso do bicarbonato de sódio
O bicarbonato de sódio tem o poder de deixar as panelas brilhando, o carpete cheiroso e o banheiro sem mofo
Com o bicarbonato de sódio, você acaba com a gordura que se acumula no encanamento da pia
Encontrado em farmácias e supermercados, esse pó cristalino de custo baixo (em média R$ 1,30 o pacote de 80 g) ganhou fama por aliviar sintomas da má digestão. Quem sabe cozinhar também conhece seu poder mágico nas receitas de bolo: ele deixa a massa leve e fofinha. Mas sua utilidade vai muito além - veja só as aplicações em que o produto se revela eficaz para sua casa.

1. Para deixar panelas e assadeiras brilhando

Nem precisa esfregar: é só cobrir a região queimada com o bicarbonato, umedecer com água e deixar agir por duas horas - a mancha sai sem esforço. E ainda deixa a superfície brilhante. A técnica vale para vasilhas de alumínio, inox e vidro e também pode ser aplicada em torneiras.

2. Adeus, ralo entupido

Acabe com a gordura que se acumula no encanamento da pia da cozinha e pode causar entupimentos. É fácil: mensalmente, coloque no ralo 1/2 xícara (chá) de bicarbonato, seguido de 1 xícara (chá) de vinagre (branco ou vermelho). Espere a espuma da reação química diminuir e então enxágue com água quente.

3. Poderoso aliado para um carpete cheiroso

Se você tem animais de estimação em casa - ou pouca ventilação e luz natural - e o seu carpete anda com um cheirinho ruim, coloque o bicarbonato numa peneira grande e pulverize. Deixe agir por dez minutos e aspire (não use vassoura, apenas o aspirador, para evitar borrões brancos). Repita conforme a necessidade.

4. Bicarbonato como higienizador multiuso

O bicarbonato de sódio é um bactericida e você pode empregá-lo para lavar tábua de carne, cascas de frutas e legumes, pias, cesto de lixo e fogão. Assim como as esponjas usadas na lavanderia e na pia da cozinha e as escovas de cabelo. Faça a seguinte receita: 3 colheres (sopa) de bicarbonato e 1/2 colher (sopa) de hipoclorito de sódio em 1 litro de água. Deixe de molho por duas horas e enxágue.

5. Para deixar os tecidos claros de novo

Com o tempo, panos de prato, roupas de cama, colarinhos de camisas e roupas brancas de algodão e linho acabam ficando com um tom meio amarelado, que não sai com lavagens simples e dá uma impressão de peças malcuidadas. Resolva o problema fervendo esses tecidos por uma hora. Para cada litro de água, acrescente 3 colheres (sopa) de bicarbonato de sódio e 1 colher (sopa) rasa de sal. Depois, enxágue bem em água fria corrente e seque normalmente. Já as lingeries brancas de náilon podem ser deixadas de molho por uns dez minutos em 1 litro de água com um 1 colher (chá) de bicarbonato de sódio, depois da lavagem normal. Não enxágue e seque na sombra.

6. Bicarbonato de sódio deixa o banheiro sem mofo

Limpe a cortina de boxe e os azulejos do banheiro com bicarbonato de sódio em uma esponja molhada. O mofo sai com facilidade e demora bem mais a aparecer de novo, mesmo em casas de praia, onde a umidade favorece o problema. Funciona tão bem quanto aqueles produtos de limpeza caros, específicos para isso, com a vantagem de não ter o mesmo cheiro forte e ainda não custar caro.

bactericida.

7. Para ter uma geladeira limpinha

Evite aquele cheiro característico (e desagradável) mantendo uma vasilha com bicarbonato de sódio aberta em uma das prateleiras, num cantinho. Ele absorve os odores durante três meses. Após esse período, troque o produto para renovar suas propriedades de absorção. Você também pode usar bicarbonato de sódio num pano úmido a fim de finalizar a limpeza interna da geladeira e do freezer, pois essa técnica tem efeito

quinta-feira, 17 de julho de 2014

Flores com filtro de café


Materiais utilizados no passo a passo da reciclagem:

• Filtros de café usados, da Melitta
• Tesoura
• Arame
• Corante a base d’água na cor marrom, da Rosely Ferraiol
• Linha mágica
• Fita para enfeite
• Lápis
• Molde da pétala


Passo a Passo


Lave os filtros para sair todo o pó do café e deixe secar completamente. Em uma vasilha, coloque um pouquinho do corante marrom e encoste a pontinha do coador de café no corante, pois ele sugará a cor. Após atingir a tonalidade desejada, tire e deixe secar por cerca de 30 minutos. 

  









Com a pontinha da tesoura, boleie as pétalas.






Dobre o coador ao meio e risque o molde de pétala. Recorte o contorno e forme 4 pétalas. Repita esse processo por mais 2 vezes para formar as 12 pétalas do botão.


Posicione uma pétala na pontinha do arame e enrole. Utilize a linha mágica para manter na posição.



Repita esse procedimento com as 12 pétalas. Não se esqueça de enrolar cada etapa com a linha mágica.

 See more at: 

http://www.portaldeartesanato.com.br/materias/2381/flores+com+filtro+de+caf%C3%A9#sthash.R5wvcGPL.dpuf

Criação e execução: Rosely Ferraiol (para Ateliê Rosely Ferraiol, com produtos Melitta e Rosely Ferraiol) | Fotos: André Wittner

Inspire-se nos vasos e nas flores feitas com filtros de café. Quem assina esta ideia é a artesã Rosely Ferraiol

- See more at: http://www.portaldeartesanato.com.br/materias/2381/flores+com+filtro+de+caf%C3%A9#sthash.R5wvcGPL.dpuf

segunda-feira, 21 de abril de 2014

quinta-feira, 13 de fevereiro de 2014

COMO FAZER BATEDOR DE PORTA COM CAIXA DE LEITE



Um batedor para evitar que a sua porta bata e faça barulho. Certamente é algo super útil em qualquer casa, principalmente se você tem um bebê ou um idoso em casa. Afinal de contas, barulho de porta é muito chato.

Material necessário:
  • Tecido
  • Caixa de leite
  • Elástico
  • Tesoura
  • Pincel
  • Fica colorida
  • Caneta esferográfica
  • Cola branca para artesanato
  • Cola quente
  • Régua
Como fazer:


1) Corte um retângulo de 10×6 cm na caixa de leite.

Dica: a espessura do batedor depende da porta onde será instalado. Se quiser fazer um mais espesso, corte vários retângulos com caixa de leite e cole um sobre o outro. Você também pode usar enchimento para deixá-lo mais fofinho.

2) Corte um pedaço de tecido de tamanho suficiente para cobrir os dois lados do retângulo. deixe 1 cm de sobra em cada lado.

3) Forre o retângulo com tecido, usando cola branca.

4) Corte dois pedaços de elástico de 14 cm cada.

5) Cole o elástico dos dois lados do retângulo, usando cola quente.

6) Finalize o trabalho passando uma fita por cima do local onde foi colado o elástico. Utilize cola branca para colar.



Fonte: revistaartesanato

Decoração, Design e Reciclagem 
click aqui: Facebook

terça-feira, 11 de fevereiro de 2014

Monte uma grade de jardim com Cabos de Vassoura

Simples de fazer e super simpática, a treliça feita com cabos de vassoura pode ser instalada em qualquer parede livre e que receba um pouco de luz. 


Materiais: 10 cabos de vassoura / buchas / furadeira / parafuso em "L" / pregos (4 cm) / serrote / arame (10 mm) / martelo / verniz a base de água / trena ou fita métrica.


Com uma trena, meça e marque nos cabos de vassoura a distância de 1 metro à partir de uma das pontas. Lembre de excluir da medição o gancho para pendurar ou o encaixe para rosquear a vassoura, que serão posteriormente eliminados.


Em seguida, corte a madeira sobre a marcação usando o serrote. Atente para eliminar também da outra extremidade o gancho ou a rosca onde a vassoura é encaixada. Repita o processo com os outros nove cabos.


Com quatro cabos, forme o quadrado externo e sobreponha os demais a fim de formar uma trama de pequenos quadrados internos com 20 cm de lado.


Una os cabos usando pregos e martelo.


Após pregar todas as intersecções dos cabos, a grade estará pronta. Se você quiser dar um acabamento mais refinado, passe verniz à base d'água.


Para instalar a treliça, marque na parede com a ajuda de uma trena a altura onde serão fixados os parafusos em "L". Mantenha alturas iguais entre os pontos a serem furados e distâncias equivalentes. Com a furadeira faça os orifícios e introduza as buchas e parafusos.


Encaixe a treliça nos parafusos.


Depois de pronta, use o arame para pendurar os vasinhos na treliça. Caso eles não tenham orifícios, use a furadeira para criar os furos.


Não ficou charmoso o jardim vertical?  


Créditos: Silvana Maria Rosso (produção e texto); Gaia Projetos Sustentáveis (consultoria e execução - www.gaiaprojetossustentaveis.com.br) Texto deLeandro Moraes/ UOL
Fonte: mulher.uol


 Decoração, Design e Reciclagem 
click aqui: Facebook