Pesquisar neste blog

sábado, 9 de março de 2013

COMO FAZER PULSEIRA COM TECIDO E RELÓGIO ANTIGO


Que tal fazer um lindo artesanato com um relógio velho e tecido? Vai ficar lindo em seu braço. Veja como é simples fazer!
Esta sugestão é ótima para você criar um acessório despojado e que combina com muitas ocasiões oportunas.

Material que você vai precisar


- Tecido
- Um relógio antigo
- 2 argolas (se o relógio é como este que só tem furos nos lados)


Passo a passo
Em alguns minutinhos você faz este trabalho. Preste atenção nas imagens e no guia explicativo que elaboramos para você.
Primeiro desmonte o relógio e adicione argolas nas extremidades, como na imagem.
Rasgue o tecido em 3 tiras do mesmo tamanho. Não é preciso ficar certinho, basta que o tecido seja suficiente para envolver o seu pulso por completo. Você deverá ter 1 tira bem longa e 4 tiras com a metade do tamanho da tira maior. Lembre-se que ao trançar o comprimento irá encolher um pouco.
Passe a tira mais longa através das argolas que você fixou na peça, de forma a passar embaixo do relógio.
Amarre mais 2 tirar em uma extremidade e trance até que você tenha apenas uma pequena quantidade do seu tecido sobrando.
Amarre, na extremidade, as 2 tiras adicionais que você colocou com um nó bem apertado. Em seguida, corte o tecido que ficou sobrando das 2 tiras que você amarrou. Ou seja, corte o que sobrou a partir do nó na extremidade. Você deverá ter uma cauda, que é a tira mais longa, aquela que passa pelas argolas relógio e vai de uma até a outra extremidade.
Pronto. Agora é só repetir as mesmas etapas anteriores no outro lado. Amarrando 2 tiras, trançando as três, amarrando no fim e cortando o excesso depois do nó das 2 tiras amarradas. Ajuste o tamanho adequado para seu pulso e dê um nó para unir as duas extremidades.
Tá feito o seu mais novo acessório de beleza super estiloso! Muito lindo né? Aproveite a ideia e tenha boas criações!

Fonte:comofazeremcasa

Veja mais sugestões de Decoração Customização e Reciclagem na homepage do Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário